Fiscalizações da GMB são intensificadas na capital durante o lockdown

Fiscalizações da GMB são intensificadas na capital durante o lockdown

Nesta quarta-feira, 17, a Guarda Municipal de Belém (GMB), em conjunto com as secretárias municipais e estaduais prosseguem com as ações de fiscalizações para o cumprimento das restrições estipuladas no decreto estadual, que institui o lockdown (suspensão das atividades não essenciais) na capital e Região Metroplitana de Belém, com o objetivo de garantir o isolamento mais rígido para conter a disseminação do novo coronavírus e desafogar o sistema público de Saúde.

A fiscalização começou na terça-feira, 15, e já foi registrada a aplicação de seis multas por descumprimento do decreto. Além disso, duas academias que estavam abertas e funcionando, apesar do decreto, foram fechadas pela GMB. Assim, como um aniversário que se realizava numa residência foi encerrado, após as famílias serem notificadas. O Disque-Denúncia (153) recebeu quase 150 ligações nos dois primeiros dias de lockdown, até às 14h desta quarta-feira.

Durante o período da manhã foram realizadas barreiras sanitárias para evitar circulação desnecessária nas ruas. Além disso, os agentes da segurança municipal também realizaram patrulhamento de segurança nos bairros, a fim de conter aglomerações e atender às demandas que chegam pelo Disque-Denúncias (153).

“Estamos abordando motoristas e transeuntes, explicamos sobre as normas de circulação e o motivo de perigo e risco que estão correndo. A pessoa se não conseguir provar o motivo plausível de estar circulando, é orientado e advertido a voltar para casa, explica, o Inspetor de Planejamentos da GMB, Antônio Carlos Tavares.

Multas

As multas a pessoas físicas ou estabelecimentos de atividades não essenciais que desobedecerem ao decreto, ou qualquer descumprimento da normas sanitárias, já estão sendo aplicadas a partir desta quarta-feira, 17.

“Usaremos do bom senso. Não iremos sancionar infrações para quem estiver indo pro trabalho ou voltando pra casa. Mas multaremos quem estiver infringido o que dispõe o decreto”, resalta o inspetor.

Os distritos de Icoaraci, Outeiro e Mosqueiro, além das feiras e mercados da Marambaia, Pedreira, Telégrafo, Feira da 25 de Setembro e Bandeira Branca, também recebem as equipes de fiscalização durante todo o dia.

Balanço

Até às 14 horas desta quarta-feira, durante o patrulhamento e nas barreiras itinerantes montadas pela GMB, foram contabilizados mais de 917 pessoas abordadas e 691 veículos ( entre motos, carros, ônibus e vans) parados e orientados. O Disque-Denúncia, 153, recebeu no período 51 chamadas, sendo a maioria denunciando irregularidades de obras de construção civil, feiras públicas e pessoas transitando sem máscaras. O balanço ainda apontou a aplicação de seis multas por descumprimento.

Na terça-feira, o balanço de todo o dia de fiscalização registrou 3.145 pessoas abordadas e orientadas; 1.217 carros, 528 motos, dez ônibus e nove vans paradas e orientados nas barreiras itinerantes, além das feiras do Guamá, Terra Firme, Cremação e Jurunas, que também receberam a fiscalização dos órgãos.

Os bairros da capital e distritos estão com reforço de patrulhamento de segurança e de fiscalização, bem como para o atendimento das denúncias pelo 153. Somente na terça foram registradas 97 denúncias, entre aglomeraçõe e outras formas de descumprimento do decreto.

Ainda durante as ações de ontem, duas academias foram fechadas e advertidas, uma arena fechada e advertida, e três quadras públicas de esporte tiveram as atividades encerradas pela fiscalização. Um aniversário que estava sendo festejado na rua também foi encerrado na noite de terça-feira.

Texto:
Thais Veiga