Cursos ministrados pela Guarda Municipal de Belém tornam-se referência

Cursos ministrados pela Guarda Municipal de Belém tornam-se referência

Qualificar, capacitar e transformar. Essa vem sendo a missão da Guarda Municipal de Belém no momento em que oferece cursos para a corporação da capital ou quando é chamada para ministrar atividades para grupos de outras regiões. Nesta segunda-feira, 20, a GMB promoveu duas de suas capacitações: a de motopatrulhamento, exclusivo para servidores do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e o de Estágio Técnico de Ações Táticas com Cães.

“Além da participação dos servidores da corporação, abrimos vagas para agentes de outros municípios e Estados. A qualificação e o nível técnico dos instrutores da corporação é um diferencial, por isso, a procura pelos cursos é grande”, complementou a subcomandante da GMB, Maria do Socorro, que destacou o interesse da Guarda Municipal do município de Crato/CE, no treinamento Tático com Cães. “A partir desta solicitação resolvemos ampliar o número de vagas para outras regiões”, concluiu.

O objetivo do curso de Estágio de Ações Táticas com Cães é o de capacitar e formar agentes multiplicadores, através do conhecimento tático para desenvolver o adestramento e emprego do cão nas diversas missões policiais. Durante o curso, os agentes irão aprender sobre psicologia canina, guarda e proteção, adestramento básico, noções de medicina veterinária, legislação, teoria cinotécnica, patrulhamento motorizado com cães, faro de entorpecentes e profilaxia. O estágio, que tem duração de 74h, conta com a participação de 13 servidores das Guardas Municipais de Belém, Castanhal, Marituba, Ananindeua, Crato (CE), Exército Brasileiro e Aeronáutica. As aulas devem seguir até o dia 31 de agosto na sede do grupamento de Ações Táticas com Cães (ATAC), no bairro do Tapanã.

Para o Inspetor do Grupamento Atac, Elieber Moraes Anselmo, é muito importante a oportunidade de troca de conhecimentos com outros guardas. “O aprendizado nesse estágio ajudará na formação de novos agentes condutores de cães policiais. Eles vão sair daqui aptos ao emprego do cão policial em atividades de segurança pública de caráter preventivo ou repressivo”, disse.

SAMU – Para aprimorar os conhecimentos, domínio, agilidade e segurança dos servidores e socorristas do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) que trabalham em motocicletas, a GMB está oferecendo o treinamento teórico e prático aos servidores.

Laudiomar Mendes, coordenadora  do Samu, enfatiza a preocupação do órgão em qualificar cada vez mais os socorristas para melhorar o serviço à sociedade. “Essa constante qualificação traz bons frutos para a comunidade. Estes profissionais, além de serem responsáveis por socorrer quem necessita, precisam preservar também a própria vida e de outros motoristas enquanto trafegam. Por isso, treinar é de extrema necessidade”, declara a coordenadora.

O curso prático de motopatrulhamento segue até o dia 23 de agosto, no estacionamento do Estádio Edgar Proença, o Mangueirão, onde estão sendo abordados assuntos como: legislação nacional do SAMU, a importância dos veículos oficiais e do trabalho em conjunto, equipamentos de proteção individual, procedimento operacional padrão, pilotagem rápida e defensiva e prática de pilotagem profissional.

Na sexta-feira, 24, será realizado no distrito de Mosqueiro, aula prática especial do Circuito Fora da Estrada, onde ocorrerá o treinamento de direção de moto em terrenos acidentados e com obstáculos.

Os instrutores da Guarda Municipal de Belém já ministraram, neste ano, cursos de Manuseio de Tonfa [arma usada na segurança pública e privada] para a Aeronáutica, Nivelamento Operacional de Motopatrulhamento no Maranhão e em cinco municípios do Pará.

Por Thais Veiga